Blog Lume

Configurar o Acompanhamento da pesquisa do site no Google Analytics

Se dentro do seu site, blog ou e-commerce possui um campo de pesquisa interna, através do qual os usuários inserem uma palavra-chave para encontrar conteúdos específicos do seu site, você pode monitorar o uso desta pesquisa e as palavras-chave mais utilizadas através do Google Analytics.

Como configurar o acompanhamento de pesquisa no GA

Assista ao vídeo abaixo que apresenta um tutorial detalhado para configurar este recurso do GA.

  1. Faça uma pesquisa no seu site com a palavra-chave "teste"
  2. Ao carregar o resultado, identifique na URL qual parâmetro contém a palavra-chave pesquisa (ex: www.seusite.com.br/?search=teste)
  3. Vá na área "Administrador" do Google Analytics e acesse as Configurações de vista de propriedade
  4. Ao final das configurações, identifique o campo "Acompanhamento de pesquisa do site"
  5. Ative o switch e preencha o parâmetro no campo abaixo. (No exemplo dado acima, o parâmetro é search)
  6. Salve as configurações realizadas.

Relatório de pesquisa interna do GA

Após configurada a pesquisa, conforme apresentado no vídeo anterior, seu relatório contendo o uso da pesquisa interna do GA e as palavras-chave pesquisadas pelos usuários estará disponível em "Comportamento > Pesquisa interna > Termos de pesquisa"

Relatório de palavras-chave da pesquisa interna do site no Google Analytics
Relatório de palavras-chave da pesquisa interna do site no Google Analytics

Truque de mestre sobre pesquisa interna

A grande maioria dos sites utiliza a estrutura de parâmetros na URL já contendo a palavra-chave. Basta você fazer uma pesquisa e descobrir o parâmetro correto conforme ensinado acima.

Mas quando o site apresentar uma URL amigável para o resultado de busca, sem parâmetros, é preciso fazer um tagueamento avançado para simular uma URL virtual transformando a palavra-chave pesquisada em parâmetro na url. Isso acontece com a plataforma de e-commerce Vtex.

Configurando a pesquisa interna do GA em sites Vtex

A Vtex entrega um resultado de busca para toda e qualquer consulta no site, mesmo uma navegação que deveria resultar como página não encontrada (erro 404). Além disso, a URL de resultado de busca na Vtex é amigável, não fazendo uso de parâmetros, como é necessário para ativar a funcionalidade de Acompanhamento de pesquisa do site no Google Analytics.

A notícia boa é que a plataforma entrega uma camada de dados rica, com vários dados estruturados, inclusive apontando o resultado de pesquisa e a palavra-chave pesquisada.

A notícia ruim é que exige alguma habilidade com Google Tag Manager para fazer um tagueamento apropriado, coletando as informações da camada de dados (dataLayer) e transformando em uma URL virtual colocando-a em estrutura de parâmetros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

crossmenu